156 Acesso àInformação

Programas em ação

Programas em ação

Com Vale do Pinhão, Curitiba recupera o DNA inovador

Nos últimos quatro anos, o Vale do Pinhão está sendo responsável pela maior transformação de toda a história de Curitiba, com a capital se desenvolvendo economicamente e, ao mesmo tempo, aumentando a qualidade de vida dos habitantes ao gerar eficiência nas ações, programas e serviços urbanos. Prefeitura, startups, universidades, entidades de fomento econômico e empreendedores se […]

compartilhe
Vale do Pinhão. Foto: Cesar Brustolin/SMCS

Nos últimos quatro anos, o Vale do Pinhão está sendo responsável pela maior transformação de toda a história de Curitiba, com a capital se desenvolvendo economicamente e, ao mesmo tempo, aumentando a qualidade de vida dos habitantes ao gerar eficiência nas ações, programas e serviços urbanos. Prefeitura, startups, universidades, entidades de fomento econômico e empreendedores se uniram neste movimento do ecossistema de inovação da capital para juntos desenvolver soluções inovadoras em áreas como empreendedorismo, reurbanização, mobilidade urbana, saúde, educação e meio ambiente.

A Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação é o órgão ligado à Prefeitura responsável por promover as políticas de empreendedorismo e inovação no Vale do Pinhão, em parceria com instituições públicas e privadas.

Worktibas 

O primeiro coworking público do país está em Curitiba e foi inaugurado, em 2017, no Parque Barigui, em uma parceria da Agência Curitiba e Instituto Municipal de Administração Pública (Imap). Hoje, são três unidades, também no Cine Passeio e no bairro Boqueirão, por onde já passaram 129 startups e empreendedores.

Em 2020, devido à pandemia da covid-19, os coworkers ganharam o Worktiba Digital, uma plataforma on-line para conexões e capacitações.

Tecnoparque

Em 2018, Prefeitura e Agência Curitiba relançaram o Curitiba Tecnoparque, programa de fomento municipal que oferece desconto de 5% para 2% no Imposto Sobre Serviços (ISS) a empresas que investem em tecnologia e inovação na capital. Um total de 112 empresas estão inscritas no Tecnoparque, que juntas geram 12,9 mil empregos e faturam R$ 4,98 bilhões.

Bom Negócio 

Em 2018, foi retomado o programa Bom Negócio, que passou a oferecer gratuitamente jornadas de educação empreendedora de alto impacto, dentro do conceito do Vale do Pinhão, divididas em aulas a distância e presenciais. De lá para cá, a parceria com instituições de ensino, órgãos de classe e fomento e especialistas em gestão preparou 4,4 mil pessoas para um novo olhar sobre gestão empresarial, com foco, principalmente, no mundo digital.

Smart City Expo Curitiba 

Desde 2018, a capital paranaense foi escolhida como sede no Brasil do maior evento de cidades inteligentes do mundo: o Smart City Expo Curitiba.

Lei de Inovação

A partir de 2019, Curitiba deu um salto ainda maior como cidade inteligente e no desenvolvimento sustentável com a Lei de Inovação, que trouxe um arcabouço jurídico para a atuação do poder público na área de inovação. Com a lei, foi criado o Conselho de Ciência, Tecnologia e Inovação, que estabelece as diretrizes para diminuir a burocracia e incentivar o relacionamento entre todo o ecossistema de inovação. 

FabLab Cajuru

A Agência Curitiba em parceria com a Fundação de Ação Social (FAS) inaugurou, em 2019, o FabLab Cajuru, laboratório de fabricação por prototipagem que tem a chancela do Instituto de Arquitetura Avançada da Catalunha (IAAC) e do Center for Bits and Atoms do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT).

Neste ano, 20 mil máscaras-escudo (face shield) foram produzidas em impressoras 3D no FabLab Cajuru para profissionais que estão na linha de frente do combate da covid-19.

Espaços Empreendedor

Curitiba tem nove Espaços Empreendedor, com serviços gratuitos de formalização, capacitação e orientação sobre crédito para microempreendedores individuais (MEIs). Duas unidades, inclusive, foram inauguradas em 2017 (CIC) e 2019 (Tatuquara).

Em quatro anos, foram 606,3 mil atendimentos (até novembro de 2020) e, durante a pandemia, as equipes continuaram a prestar serviço on-line até setembro. Atualmente, os locais atendem com agendamento. 

Os Espaços Empreendedor, através de parceria entre a Agência Curitiba e a Fomento Paraná, começaram a ofertar, em 2019, crédito para os empreendedores, que agora têm acesso a financiamentos entre R$ 1 mil e R$ 20 mil, conforme avaliação cadastral.

Paiol Digital e outros eventos

O Vale do Pinhão promoveu mais de 200 eventos presenciais de capacitação e conexões, nos últimos quatro anos, entre fóruns, palestras, seminários e workshops – todos gratuitos. Destaque para as 18 edições do Paiol Digital, que reuniram 3,3 mil pessoas e transformaram o Teatro do Paiol em um grande fórum de apresentação de soluções que melhoram o dia a dia das pessoas; e o Conexões Vale do Pinhão, que em dezembro de 2019 lotou o Teatro Guaíra de empreendedores que foram ouvir nomes como como Alphonse Voigt, fundador da startup curitibana Ebanx, primeiro unicórnio do Vale do Pinhão e do Sul do País (empresas de tecnologia avaliadas em mais de US$ 1 bilhão).

31 mil pessoas participaram, entre 2017 e 2020, dos 200 fóruns, palestras, seminários e workshops – todos gratuitos – promovidos pelo Vale do Pinhão.

Empreendedora Curitibana

Cerca de três mil mulheres foram capacitadas em evento presenciais, entre 2018 e 2020, com o objetivo de auxiliá-las no desenvolvimento dos seus negócios, além de prepará-las para o Prêmio Empreendedora Curitibana, que é bianual e terá sua próxima edição em 2021. 

1º Empregotech

Parceria entre a Agência Curitiba e a FAS, o programa Primeiro Emprego em Tecnologia (1ºEmpregotech) começou a oferecer gratuitamente, em 2020, um inédito curso de programação de computação para jovens entre 16 a 22 anos.

A primeira turma do Empregotech formou 291 alunos, que podem ser constratados como aprendizes por startups e empresas de tecnologia de Curitiba e região.

Inova VP

Previsto na Lei de Inovação, o Fundo de Inovação (Inova VP) irá destinar R$ 10 milhões a projetos de inovação e pesquisa científica e tecnológica na capital. Startups e empreendedores de impacto social, tecnologia e cidades inteligentes poderão requerer recursos em 2021.

Plano de Retomada Econômica Pós-Pandemia do novo coronavírus

Agência Curitiba participou ativamente, em 2020, da concepção do Plano de Retomada Pós-Pandemia do novo coronavírus. São medidas que têm permitido aos empreendedores e empresas da capital entrar em um novo ciclo de excelência no mercado graças a iniciativas do município como o Fundo de Aval Garantidor de R$ 10 milhões, que concede garantias do município aos empréstimos contraídos pelas empresas; e a oferta gratuita dos serviços do Programa Sebrae de Consultoria Tecnológica (Sebraetec), em uma parceria com o Instituto Municipal de Turismo, a mais de 800 empreendedores, artesãos e empresários do setor de viagens e turismo da capital.

O Fundo de Aval já possibilitou R$ 2 milhões em empréstimos para empreendedores e empresas como salões de beleza, petshop, comércio de máquinas, cafeterias, autopeças, lojas de roupas.

A garantia é um dos maiores obstáculos no acesso ao crédito para quem tem um pequeno negócio. O aporte da Prefeitura é o maior do Brasil feito por uma cidade e pode alavancar até R$ 100 milhões em empréstimos.

Por outro lado, as consultorias gratuitas do Sebraetec estão sendo ofertadas a empresários do setor turístico que querem expandir seus negócios digitais, com capacitações em áreas como criação de sites, aplicativos e e-commerce, finanças e inovação.

A Agência Curitiba e o Sebrae-PR ainda desenvolveram várias ações conjuntas para fortalecer a economia nos bairros durante e pós-pandemia.  A mobilização está ocorrendo nas dez administrações regionais de Curitiba, com forças-tarefas integradas por consultores do Sebrae-PR e servidores do município oferecendo orientações e capacitações nas Ruas da Cidadania. 

Além disso, as capacitações presenciais gratuitas de empreendedores – que em três anos de gestão já tinham atingido a marca de 200 eventos presenciais – rapidamente passaram a ser oferecidas em plataformas digitais durante a pandemia. Foram cerca 90 lives com especialistas convidados, incluindo as aulas do programa Bom Negócio, oficinas do Empreendedora Curitibana, Mutirão MEI e Business Round. Também foi lançada a inédita competição de startups Pitch Live, evento on-line que já teve duas edições em 2020.

Resultados

– Curitiba gerou 11,7 mil vagas com carteira assinada em outubro de 2020, consolidando a recuperação que teve início em junho. Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados pelo Ministério da Economia em novembro mostram que o número de empregos criados em outubro foi o triplo do registrado em setembro (3,9 mil novas vagas). Além disso, no período, Curitiba foi a cidade que mais gerou empregos no Estado, sendo responsável por 35% do saldo total (33.008).

– Em 2019, antes da pandemia, a capital teve saldo de 19.325 empregos, segundo o Caged, um crescimento de 38% em relação a 2018, quando Curitiba já tinha tido saldo positivo de 14 mil vagas criadas. Foi o melhor desempenho desde 2013 e que colocou a capital paranaense em terceiro lugar entre as cidades que mais criaram vagas, atrás de São Paulo e Belo Horizonte.

– A capital lidera ainda a geração de empregos de TI no Paraná (2019), a arrecadação de ISS cresceu 20% e, no Ranking Endeavor de Empreendedorismo, a cidade passou 15º para o 4ª lugar.

– Curitiba conquistou o título de cidade com a maior produtividade e eficiência do setor de tecnologia do Brasil em 2020 pelo relatório anual Tech Report 2020.

– Curitiba saltou 20 posições para ocupar o 5º lugar no ranking brasileiro Cidades Amigas da Internet 2020, graças a iniciativas como o novo decreto municipal de implantação das Estações de Transmissão de Radiocomunicação (ETRs) e instalação de antenas de telefonia e telecomunicações em propriedades particulares, fundamental para a chegada da tecnologia 5G na capital.

Prêmios de Curitiba e do Vale do Pinhão entre 2017 e 2020

Connected Smart Cities 2018 – Primeiro lugar no ranking entre as cidades mais inteligentes do Brasil no estudo da consultoria Urban Systems.

Latam Smart City Awards 2018 – Primeiro lugar com o aplicativo Saúde Já, na categoria Transformação Digital, durante evento em Puebla (México).

Intelligent Community Forum (ICF) 2019 e 2020 – Uma das 21 comunidades mais inteligentes do mundo, pelo segundo ano consecutivo, de acordo com o ranking do IFC.

World Smart City Awards 2019 – Uma das seis cidades mais inteligentes do mundo, na categoria Ambiente Urbano, durante Smart City World Congress, em Barcelona (Espanha).

Latam Smart City Awards 2019 – Vale do Pinhão entre os finalistas do prêmio que ocorre no México.

12º Prêmio Ozires Silva de Empreendedorismo Sustentável (2019) – Worktibas foram vencedores.

Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social 2019 – Certificação para os Worktibas.

Congresso Sesi ODS 2019 – Selo Sesi ODS para o Worktiba. Selo Sesi ODS para a Agencia Curitiba.

Prêmio Cidades Sustentáveis 2019 – 2º lugar para o Programa Empreendedora Curitibana (categoria médias e grandes cidades).

Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor 2019 – A capital recebeu o prêmio, na categoria Cooperação Intermunicipal para o Desenvolvimento Econômico, com o projeto Programa de Desenvolvimento Produtivo Integrado da RMC (Pró-Metrópole).

The Global Startup Ecosystem Report 2020 – Curitiba figurou pela primeira vez no Top 100 Ecossistemas Emergentes do mundo do Startup Genome.

Wellbeing Cities Award  2020 (Prêmio Cidades de Bem-Estar 2020) – Vencedor na categoria “Construindo uma economia urbana vibrante”, da premiação criada pela NewCities, organização sem fins lucrativos global com sede no Canadá.

NOTÍCIAS RELACIONADAS