156 Acesso àInformação

Programas em ação

Programas em ação

Vencedoras do Prêmio Empreendedora Curitibana serão conhecidas na quinta-feira

As vencedoras do Prêmio Empreendedora Curitibana 2021 serão anunciadas, na próxima quinta-feira (11/11), às 18h30, no Memorial de Curitiba, no Largo da Ordem (Centro Histórico). A cerimônia de premiação irá reunir cultura, empreendedorismo e a palestra “O que 830km num caiaque ensinam sobre propósito.” Serão divulgadas as vencedoras das cinco categorias do prêmio da Prefeitura de […]

compartilhe

As vencedoras do Prêmio Empreendedora Curitibana 2021 serão anunciadas, na próxima quinta-feira (11/11), às 18h30, no Memorial de Curitiba, no Largo da Ordem (Centro Histórico). A cerimônia de premiação irá reunir cultura, empreendedorismo e a palestra “O que 830km num caiaque ensinam sobre propósito.”

Serão divulgadas as vencedoras das cinco categorias do prêmio da Prefeitura de Curitiba e também a Empreendedora Mais Popular, eleita em votação na internet encerrada neste domingo (7/11), com 5.574 votos.

O Prêmio Empreendedora Curitibana reconhece as mulheres que investem em negócios próprios e busca inspirar o público feminino.

A premiação recebeu a inscrição de 319 empreendedoras de Curitiba e Região Metropolitana, que concorrem nas categorias Ideia Empreendedora. Microempreendedora Individual (MEI), Micro e Pequena Empresa, Startup e Empresa de Impacto Socio Ambiental. 

Ao longo de oito meses, mulheres à frente de negócios em Curitiba e região passaram por quatro etapas (cinco oficinas, análise de 58 avaliadores, 38 horas de entrevistas e mais de 900 horas de avaliações de projetos e apresentações) até o anúncio das vencedoras do prêmio, nesta quinta-feira (11/11), entre as 38 finalistas de Curitiba, Quatro Barras, Pinhais, Almirante Tamandaré, Rio Branco do Sul e São José dos Pinhais.

Este foi o primeiro ano que a premiação da Prefeitura de Curitiba abriu inscrições para empreendedoras da Região Metropolitana.

“O Prêmio Empreendedora Curitibana reconhece o talento de nossas empreendedoras em diferentes áreas de negócio, reforçando a importância do seu papel na economia da comunidade e inspirando novos negócios liderados por elas, impulsionando o empreendedorismo feminino e a economia local’, diz Cris Alessi, presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação.

Palestra

Além do anúncio das vencedoras, o público poderá assistir à palestra “O que 830 km num caiaque ensinam sobre propósito”, com Marcelo e Carol Figueiral, empreendedores de expedições radicais no país. Eles promovem jornadas de caiaque em rios brasileiros, buscando promover a preservação ambiental e a documentação do estado desses rios. As expedições são retratadas em livros, documentários em vídeo e palestras em eventos.

Em 2015, a equipe de Marcelo Figueiral foi a primeira a atravessar o Parque Indígena do Xingu, na Amazônia (Mato Grosso), remando 420 km em 25 dias no Rio Xingu. Em 2018, na Expedição Iguape, eles remaram 200 km de caiaque durante sete dias, entre Iguape (SP) e Morretes, no litoral do Paraná.

Nos meses de setembro e outubro de 2021, fizeram a Travessia do Bem, uma expedição de 830 km da nascente à foz do Rio Paraná, o segundo maior do Brasil. Foram 30 dias de caiaque, da divisa do Paraná com Mato Grosso do Sul até a Usina Itaipu, em Foz do Iguaçu.

A palestra fala de um empreendimento inédito, com planejamento que envolve logística, segurança, suprimentos, comunicação, aventura, preparação física e mental, observação e documentação do meio ambiente em lugares inóspitos e, acima de tudo, propósito. 

O Prêmio Empreendedora Curitibana 2021 tem patrocínio de Copel, Positivo Tecnologia, Projetual Comunicação, Zoli Eventos, OpenMEI, Hipe, Datatem, Viacredi, Dinie, Panic Lobster, Novo Elo, Business Professional Woman Curitiba, Adriane Marques Consultoria e Clube Mulheres de Negócios de Portugal.

Conheça as 38 finalistas do Empreendedora Curitibana 2021

Micro e Pequena Empresa

  • Paula Batista, da Ademicon (@paulabatistaoficial) – A empreendedora da capital é especialista na área financeira e empresária da rede de franquias Ademicon.
  • Camile de Araújo Just, da Como ser Assistente Virtual (@comoserassistentevirtual) – Empresa curitibana de educação prepara mulheres para empreenderem como Assistentes Virtuais e as conecta com clientes.
  • Deborah da Silva, da Deborah Bee Estética Humanizada (@esteticahumanizada_cwb) – A empreendedora da capital abriu a Deborah Bee – Estética humanizada.
  • Jaqueline Borges, da Fitness and Beach (@jaquezinha_borges) – A empreendedora de Curitiba fundou a Jaqueline Borges Fitness and Beach, loja de moda fitness e moda praia.
  • Lorena Nogaroli, da Central Press (@lorenanogaroli) – A jornalista fundou a Central Press, agência de reputação com 23 anos de história em Curitiba.
  • Mariana Vilela Angeli, da Gestão Consultoria Empresarial (@agenciadegestao) – A curitibana oferece uma consultoria que ajuda pequenas e médias empresas a otimizar custos por meio de uma metodologia própria.
  • Patricia Baudy, da Confidence Semijoias (@confidencesemijoias) – Patrícia abriu em Curitiba a Confidence Semijoias, semijoias em consignação objetivando o empoderamento feminino.
  • Sirley Machado Maciel , da Intrepeds (@sirleymachadomaciel)  – A empreendedora de Pinhais abriu a Intrepeds – Instituto de Treinamento, Pesquisa e Desenvolvimento do Ser para o empoderamento feminino, por meio de uma oratória assertiva.
  • Tatiana de Moura, da Cavi Consultoria Acessibilidade (@thatiana.moura) – A empreendedora de Curitiba fundou a Cavi Acessibilidade, por um ambiente sem barreiras.
  • Vonett Faryniuk, da Denfa (@v0n3tt) – A empreendedora de Pinhais fundou a Denfa, que importa vaso sanitário inteligente com mais de 30 funções.

Microempreendedora Individual (MEI)

  • Airiela Leiria, da By Airiela (@byairiela) – A empreendedora de Rio Branco do Sul é fotógrafa de ensaios femininos para resgatar a autoestima feminina através da fotografia. Hoje, já são mais de 800 histórias registradas. 
  • Cris Jacomél, da Joga Moda na Roda (@jogamodanaroda) – Cris é fundadora em Curitiba da Joga Moda Na Roda, consultoria que ajuda mulheres a se conhecerem mais e a melhorarem a relação delas com o corpo.
  • Fernanda Milani Voigt , da Fernanda Milani Assessoria Financeira – A empreendedora de Pinhais trabalha com facilitação e planejamento de finanças pessoais e também com assessoria financeira para micro e pequenos negócios.
  • Larissa Maia, da Madala Gourmet (@madalagourmet) – A empreendedora da capital fundou a “deliceria” que oferece comida com afeto.
  • Larissa Mello, da Mell Marketing (@mellmarketing) – A empreendedora da capital abriu a Mell Marketing, com a missão de ajudar pequenos empreendedores a divulgarem seus produtos/serviços com qualidade e um preço acessível.
  • Luciana Carre Rabassa, da Pimenta Cayenna (@pimentacayenna) – A curitibana fundou a Pimenta Cayenna, empresa multimarcas especializada em lingerie delivery, proporcionando comodidade, privacidade e descrição.
  • Luciana Ivanike Martins Isolani, da Piec Pães Artesanais (@pimentacayenna) – Luciana abriu na capital a Piec Pães Artesanais, que produz pães de fermentação natural de forma artesanal e entrega em toda Curitiba.
  • Monique Marques, da Vittasalu (@vittasalu) – A curitibana fundou a Vittasalu, empresa que fabrica alimentos congelados com pancs (plantas alimentícias não convencionais) e produzidos de forma sustentável.
  • Roseni Oliveira Dallago, da Overcomer (@overcomerstore) – Roseni criou na capital a Overcomer, de personalização de tênis, meias e chinelos.
  • Silvia Valim, da Jornalistando Comunicação (@Jornalistasilviavalim) – Silvia abriu em Curitiba a Jornalistando Comunicação, com soluções completas e facilitadas para serviços em comunicação.

Ideia empreendedora

  • Aline Sousa, da Deixa Brilhar (@aaline.sousa) – A empreendedora de Pinhais fundou a plataforma Deixa Brilhar, que prepara projetos liderados por mulheres para que estejam aptos a receber investimentos e, ainda, conecta empreendedoras e investidoras anjos.
  • Eliane Pinto da Silva, da Projeto Retrovisor (@elianesilva0373) – Eliane criou em Curitiba o Projeto Retrovisor, que apoia, ampara e capacita mulheres enlutadas com a perda por suicídio.
  • Francielle Karine Dias Rocha (@francielle.karine)  – A curitibana Francielle é a idealizadora de um aplicativo que conecta prestadores de serviços com seus clientes, reconhecendo e agradecendo pela indicação, através de comissão.
  • Juliana da Luz Oliveira, da Movimento de Luz (@julianaluz1) – Juliana é de Quatro Barras e fundou o Movimento de Luz, iniciativa social de qualificação pessoal cuja proposta é ensinar as pessoas a utilizar o que elas tem diante do que a vida apresenta.
  • Virgínia Gandolfi Siqueira Neta, da Planner Fibro (@ninagandolfi) – Empreendedora de Almirante Tamandaré criou o Planner Fibro, ferramenta de planejamento para as pessoas com fibromialgia se organizarem nos seus controles de hábitos, alimentação e medicamentos para melhorar o tratamento médico.
  • Vitoria dos Santos Turquenitch, da Empreendedoras Vitoriosas (@pictures_of_curitiba_oficial) – Vitória criou em Curitiba um projeto social voltado ao incentivo do empreendedorismo feminino, para mulheres em situação de vulnerabilidade social.
  • Vivian Caroline Koerbel Dombrowski, da Conecte Verde (@vividombrowski e @teinclui) – Empreendedora de São José dos Pinhais criou o Conecte Verde, plataforma que aproxima o agricultor familiar/comunitário de hortifrutis com o consumidor de alimentos orgânicos, com entregas próximas, através de uma plataforma única.

Empresa de Impacto Socioambiental

  • Bárbara Di Fuccio Lages, da Beleza Simples Assim (@bilusimplesassim e @belezasimplesassim) – Bárbara é de Curitiba, publicitária e idealizadora da Beleza Simples Assim, uma plataforma que reúne marcas de beleza e bem estar limpas e sustentáveis, feitas por mulheres que estão repensando a beleza e o futuro.
  • Clarice Milano, da Projeto Sustentarte (@mclaricemilano) – empreendedora de Quatro Barras é a idealizadora do Projeto Sustentarte, que busca capacitar, através do trabalho artesanal e artístico, para contribuir com o aprimoramento pessoal e oferecer geração de renda para as famílias envolvidas.
  • Elisa Serra Negra Vieira, da Sui Generis Camisaria Feminina (@elisaserranegra) – Na capital, Elisa criou a Sui Generis Camisaria Feminina, marca de camisas e blusas femininas que apoia o autismo, através da comercialização de peças com artes realizadas por crianças e adolescentes autistas.
  • Flavia Feliz, da We.Flow (@felizflavia) – Flavia Feliz fundou em Curitiba a We.Flow, que oferece consultoria e treinamento sobre sustentabilidade e liderança consciente, com um modelo de subsídio cruzado em que esses serviços são oferecidos gratuitamente para empreendedores sociais e líderes comunitários.
  • Gisele Lasserre, da Tech Girls (@giselelasserre) – A fundadora Tech Girls é de Curitiba e busca democratizar o ensino de tecnologia (software e hardware) entre mulheres de baixa renda e recupera lixo-eletrônico virando ferramenta de trabalho destas alunas.
  • Larissa Hack, da Batom Empreendedorismo e Pertencimento (@grupobatom) – Larissa fundou em Curitiba a Batom, startup que destaca movimentos de empreendedorismo feminino no Brasil, viabilizando os trabalhos das redes de apoio e levando o empreendedorismo como porta para a independência financeira de mulheres vítimas de violência doméstica.
  • Paloma Grubba, da e-Delas (@paloma.grubba) – Paloma fundou na capital a Delas, uma empresa de educação, capacitação, suporte e direcionamento empreendedor para o público feminino, com o objetivo de apresentar meios para que atinjam a independência financeira.

Startup

  • Danielle Santos Franco, da Acensia Acessibilidade (@acensiaacessibilidade) – A curitibana Danielle é a idealizadora da Acensia Acessibilidade, produtora de soluções em acessibilidade de serviços em tecnologia assistiva e audiovisual para pessoas com deficiência visual e auditiva/surda.
  • Gabriella Garibaldi Garcia, da Bnyou (@gabigarciaa) – A empreendedora de Curitiba criou a Bnyou, marketplace de beleza e bem-estar com a missão de representar os profissionais dessa área e transformar suas vidas.
  • Gislaine Queiroz, da Única Entrega (@gisqueiroz) – Gislaine vive em Curitiba e é sócia da Única Entrega, empresa formada 100% por mulheres, com foco na realização de entregas Premium no last mile, com o propósito agregar valor ao produto com a experiência de uma entrega Única.
  • Renata Silva Donato Rangel, da Pongo Education (@rreducadora) – Renata fundou em Curitiba a Pongo Education, uma startup de educação que acredita e trabalha para que crianças e famílias construam juntos um mundo melhor. Auxilia as famílias a participarem ativamente na aprendizagem de seus filhos.
     

NOTÍCIAS RELACIONADAS